Festival Música para Brincar traz diversão para todo mês de outubro

Evento acontecerá nos finais de semana na CAIXA Cultural Salvador  com programação musical voltada para crianças

 

Um mês inteiro de atrações musicais com repertório focado na infância. Essa é a 3ª edição do Festival Música para Brincar, projeto realizado pela Multi Planejamento Cultural, com patrocínio da CAIXA . Durante quatro finais de semana, de 03 a 25 de outubro, a CAIXA Cultural Salvador abrirá espaço para crianças, jovens e adultos, na área do Anfiteatro, com show de Barbatuques, Canela Fina, Catibiribão e do músico Hélio Ziskind, sempre aos sábados e domingos, às 16h.

 

De acordo com Renata Hasselman, sócia-diretora da Multi Planejamento Cultural, o projeto Música para Brincar conserva seu propósito de oferecer música de qualidade, comprometida com o lúdico e com a infância. Assim, ao longo das realizações, o Festival já reuniu nomes como Pequeno Cidadão, Neojiba, Palavra Cantada, entre outros, alcançando um público de mais de 8 mil espectadores. “Trata-se de uma iniciativa pensada para despertar o interesse das crianças pela musicalidade, além de proporcionar um espaço para que pais e filhos estejam envolvidos, pois as atrações do Musica para Bincar não agradam somente as crianças” acrescenta Hasselman.

 

Pelo primeiro ano realizado na CAIXA Cultural, para um público de no máximo 100, espectadores, o Música para Brincar terá em 2015 uma programação estendida: nos dias 3 e 4 de outubro, o palco será comandado pelo grupo Barbatuques. No fim de semana seguinte, do Dia das Crianças, será a vez do Canela Fina, 10, 11 e 12 de outubro (sábado, domingo e segunda). Catibiribão será a atração dos dias 17 e 18 de agosto e Hélio Ziskind encerrará o Festival, nos dias 24 e 25 de outubro.

 

De acordo com Ana Paula Vasconcelos, sócia diretora da Multi Planejamento Cultural, “o novo espaço propiciará mais intimidade das crianças com os artistas, tornando mais fluída a interação do público com os músicos. Nesse novo formato o projeto ganha uma programação diversificada e extensa”.

 

Atrações –  A programação do Música para Brincar é diversificada e traz em comum artistas preocupados em produzir canções atentas ao desenvolvimento das crianças e o envolvimento do adulto. Abrindo a programação do evento, o grupo Barbatuques, que tem um consolidado trabalho de música corporal, despertando o interesse e envolvimento de pais e filhos. Criado em 1995, o grupo musical paulistano desenvolveu ao longo de sua trajetória uma abordagem única da música corporal através de suas composições, técnicas, exploração de timbres e procedimentos criativos. “Tum Pa” é o nome do trabalho do Barbatuques dedicado ao público infantil que será apresentado no festival.

 

A garotada irá assistir o musical Catibiribão, produzido pela cantora e compositora Sílvia Negrão, focado no resgate das músicas do folclore nacional ligadas às brincadeiras da minha infância. Reunindo canções dos dois álbuns de Sílvia Negrão, o espetáculo reúne manifestações culturais brasileiras garimpadas pela artista, fazendo no palco uma brincadeira que deverá unir gerações.

 

Pela primeira vez se apresentando em Salvador, o músico Hélio Ziskind e banda apresentam show com várias canções compostas para o programa Cocoricó da TV Cultura. Umas mais conhecidas e outras inéditas fazem parte do repertório que traz: Meu Pé meu querido Pé, O Gigante da Floresta, O Elefante e a Joaninha entre elas, além de algumas que tocaram no programa Rá tim bum, como o Ratinho Tomando Banho. O músico foi vencedor do Prêmio Sharp de melhor CD infantil de 1998 pelo seu 1º CD: Meu pé, meu querido pé, que compõe parte das canções que serão apresentadas para o público baiano.

 

Já o Canela Fina, grupo conhecido do público baiano, possui uma trajetória dedicada à produção de repertório musical ligado ao universo infantil, visando também atingir aos adultos a partir da percepção da importância de se participar das atividades tidas como “infantis”.

 

Serviço

Música para Brincar

Local: CAIXA Cultural Salvador – Rua Carlos Gomes, 57, Centro – Salvador (BA)

Horário: 16h

Classificação indicativa: livre

Deixe um comentário

Seu e-mail não será publicado.

*